Logo



Posts Recentes



08 maio 2016

A profecia do paladino - Mark Frost



  Will West faz de tudo para não chamar atenção. A pedido dos pais, ele se esforça para tirar notas medíocres e não se destacar no time de cross-country. Mas, quando sua escola o obriga a fazer uma prova de desempenho geral, ele acaba esquecendo de errar algumas respostas e tira uma nota excepcionalmente boa.
   Seu resultado espetacular atrai o interesse de uma das escolas particulares mais exclusivas do país, que o procura para oferecer uma bolsa de estudos.
  No entanto, assim que ele recebe essa oferta, começa a ser seguido por homens misteriosos em sedãs pretos. Ao tentar escapar de perseguidores, seus pais desaparecem e Will acaba se matriculando às pressas no prestigioso colégio.
   Chegando à sua nova escola, ele percebe possuir talentos físicos e mentais que beiram o impossível e descobre que suas habilidades estão conectadas a uma batalha milenar entre forças épicas.

    Will West não se sente como um adolescente normal. Não entende por que sua família vive mudando de cidade e muito menos por que seus pais não querem que ele se destaque. Seu pai fez um livro de regras para ele, todas relacionadas ao fato de nunca chamar a atenção para si.
     Ao contrário dos seus colegas, ele não se esforça para sempre tirar as notas máximas ou para chegar sempre em primeiro nas competições. Seu esforço é para não fazer isso, é para sempre ficar na média, sempre ser um figurante, mesmo sabendo que pode mais.
     Um certo dia, ao sair para treinar de manhã como sempre fazia, Will percebe que está sendo seguido por homens que chama de Boinas Pretas e começa uma fuga. Ele não sabe como, mas tem a sensação de que sabe o que seus perseguidores pensam e vê que percorreu o seu trajeto num tempo recorde, sem nem se cansar. É aí que ele começa a achar que tem algo de errado.
      Já na escola, é chamado à sala do diretor, encontrando lá uma representante de uma escola da qual nunca tinha ouvido falar: o Centro de Aprendizagem Interdisciplinar. Ele é informado de que teve um incrível êxito em uma prova aplicada na sua escola, em que ele "esqueceu" de errar algumas questões, e acabou acertando todas. Devido a isso, a representante oferece a Will uma bolsa de estudos integral na escola. Depois de um tempo, a mãe do garoto se junta à reunião, mas ele percebe algo estranho nela, no jeito dela.
      Prometendo pensar no caso, ele e a mãe voltam para casa, onde mais coisas estranhas acontecem, como a presença dos homens que o estavam perseguindo antes e a continuação dos atos estranho da mãe. No seu quarto, recebe um vídeo do seu pai, em que ele aparece sendo sequestrado. Da janela, vê os seus perseguidores com seu pai e percebe que suas preocupações eram válidas e foge de casa.
      Com a ajuda da representante do Centro, de um taxista mexicano e de um homem que ele não sa-be se é real ou não, Will consegue sair da cidade e se matricular na escola, não sem antes - é claro - ter um pouco de emoção, com monstros de outra dimensão querendo tirar sua vida.
    No Centro, ele conhece seus colegas de quarto, que com o tempo se demonstram verdadeiros amigos e descobre um perigoso grupo secreto, que pode estar envolvido com os Boinas Pretas.

     O autor do livro é Mark Frost, cocriador da série Twin Peaks e foi roteirista da série Hill Street Blues, pela qual recebeu indicações para o Writers Guild Award e para o Emmy Award . Também colaborou nos roteiros de O Quarteto Fantástico e O Quarteto Fantástico e o Surfista Prateado.

     O livro é clichê: um menino levando a vida normalmente, descobre que é diferente dos outros, começa a ser perseguido e de repente se vê numa batalha entre o bem e o mal. No entanto, é um livro muito bom de ler, te prende do começo ao fim. Em nenhum momento o livro foi chato ou tive vontade de parar de ler. A vontade era sempre de continuar em frente, querendo saber o que viria a seguir. Frost sabe instigar isso no leitor muito bem.
      A relação de Will e seus colegas de quarto é bem interessante. Formando um forte vínculo desde o início, eles se completam e vão se descobrindo juntos, um com o apoio do outro. Cada um desses personagens tem uma personalidade diferente, mas todos são cativantes à sua maneira. Já os personagens antagonistas são repulsivos do jeito que devem ser.
    Outro ponto positivo é a resolução de mistérios no livro. Chega uma parte que informações perdidas e soltas no livro se encaixam e você pensa "nossa, era isso, como não percebi antes?", e isso é uma coisa que eu gosto nos livros, quando fazem informações que parecem sem importância terem uma utilidade na compreensão da história no final.
    Os capítulos curtos e bem escritos deixaram a história boa de ser lida, uma leitura que não é cansativa.
     O final do livro é concreto, mas deixando pequenas coisas em aberto e, ao fazer uma pesquisa, descobri que esse é o primeiro livro de uma série de três.
      E bem no final do livro, depois de acabada a história, ainda tem a lista completa de regras do pai do Will, todas listadas na ordem correta. Achei isso muito legal, porque durante o livro fiquei pensando nelas organizadinhas, com a ideia de realmente passar para o papel e talvez utilizá-las hahaha.
                                                                      Post pelo colaborador: João Victor Krüger

2 comentários:

  1. Gosto de livros que não sejam cansativos! Fiquei interessada no livro e vou colocar na minha lista imensa de espera aushaus

    www.antesdaprimavera.com.br

    ResponderExcluir
  2. Gosto de livros clichês, mas não que sejam cansativos, esse livro parece ser bom. E gosto de livros com capítulos curtos, porque aí é que cansa menos. Porque eu tenho mania de ler o livro de capitulo em capitulo, tipo se eu preciso parar de ler pra fazer alguma coisa, não consigo parar no meio de um capitulo, tenho que terminar ele pra poder colocar o marcador lá e fechar pra ler depois, hahaha! Gostei da indicação! Não conhece o autor e também não conhecia o livro.

    Beijos!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário! sua opinião é muito importante aqui no Vida em Marte, vou ler e responder com carinho ;)

Pin It button on image hover