Logo



Posts Recentes



02 janeiro 2016

Para todos os garotos que já amei - Jenny Han


Lara Jean guarda suas cartas de amor em uma caixa azul-petróleo que ganhou da mãe. Não são cartas que ela recebeu de alguém, mas que ela mesma escreveu. Uma para cada garoto que amou — cinco ao todo. São cartas sinceras, sem joguinhos nem fingimentos, repletas de coisas que Lara Jean não diria a ninguém, confissões de seus sentimentos mais profundos. Até que um dia essas cartas secretas são misteriosamente enviadas aos destinatários, e de uma hora para outra a vida amorosa de Lara Jean sai do papel e se transforma em algo que ela não pode mais controlar.ais profundos. Até que um dia essas cartas secretas são misteriosamente enviadas aos destinatários, e de uma hora para outra a vida amorosa de Lara Jean sai do papel e se transforma em algo que ela não pode mais controlar.

   Lara Jean nunca teve namorados, mas já se apaixonou. Foram 5 garotos que conseguiram fazer com que o coração dela batesse mais forte, mas nenhum romance rolou com eles, e, para esquecê-los, Lara Jean escreveu uma carta para cada um. Essas cartas não são cartas de amor, são de quando ela não quer mais estar apaixonada. São cartas de despedida. Porque, como ela mesmo diz, depois que as escreve, o amor ardente para de a consumir. As cartas a libertam.
   Tudo estava no ritmo normal em casa: o pai médico trabalhava bastante, a irmã mais nova de Lara Jean continuava muito esperta e afiada, a irmã mais velha, Margot, continuava comandando tudo em casa, um papel que ela assumiu depois que a mãe delas faleceu... Mas, Lara Jean sabia que não continuaria assim. Logo ela teria que assumir muita coisa dentro de casa, pois Margot estava indo fazer faculdade na Escócia. 
   Não bastasse ficar sem Margot em casa e ter que tentar continuar com a amizade com Josh, agora ex-namorado de Margot, que era super amigo da família, Lara Jean vê sua vida virando um caos quando, misteriosamente, as cartas que ela escreveu com tanto esmero, desaparecem da caixa azul-petróleo que ganhou da mãe. E não somente isso, Lara Jean descobre que as cartas não só desapareceram como também foram enviadas para seus remetentes. Com tudo isso, ela se desespera, mas as suas maiores preocupações são dois dos garotos: Peter, um garoto popular do colégio e Josh, o ex-namorado de sua irmã.
   Por meio de uma escrita super fluída, calma e gostosa, Jenny Han vai nos introduzindo na história de Lara Jean, nos faz amar a família pequena, mas muito especial e divertida, dela, e faz com que nos apaixonemos por essa história que tinha tudo pra ser só mais uma. Mas não é. 
   
 

   Lara Jean é inteligente, carinhosa, simpática e muito engraçada, mas isso parece não ser o bastante quando se está apaixonada pelo agora ex-namorado da sua irmã. E, por mais que Lara Jean "o tenha visto primeiro", não existe forma fácil de lidar com isso, além de esquecer o que aconteceu. E foi o que ela fez.    Até que a carta de amor chegou nas mãos de Josh.
Lara Jean não podia deixar com que ele pensasse que aquelas palavras ainda são verdadeiras, por mais que realmente sejam, e por isso, ela se junta com Peter, o garoto popular da escola, que já foi amigo de infância, para engatarem um relacionamento falso. 
   Peter é convencido e irritantemente bonito, e precisa mostrar pra todos que superou o pé-na-bunda que levou da namorada, é por isso que aceita se juntar com Lara Jean para estabelecerem um contrato de namoro falso.
   É no meio de tudo isso que o leitor começa a torcida e se pergunta: "Será que agora que Josh sabe o que ela sentia por ele desde o começo, ele vai se apaixonar por Lara Jean?", "Será que Josh esqueceria Margot e ficaria com a irmã dela?", "Existe, meu Deus, algum jeito desses dois ficarem juntos e essa história terminar bem, sem nenhuma briga entre as irmãs Song?"... Eu sei, é impossível não se perguntar essas coisas, e Jenny Han conduz a narrativa tão bem, mas tão bem que, mesmo o leitor já imaginando que o amor vai começar a brotar lá do outro lado, lá com a pessoa que a gente "menos imagina", nada disso deixa de ser especial.
   Eu já sabia que ia me apaixonar por esse livro no momento em que o vi. Janny Han tem uma escrita muito boa, muito encantadora, que eu já havia conhecido em Olho por Olho e seus conseguintes. Eu não podia perder a oportunidade de ler um livro só dela. E digo que não houve nenhuma decepção se quer. 
   Para todos os garotos que já amei não é um livro com uma história complicada, com uma trama super diversa, diferente e de arrancar o folêgo... na verdade, ele é um livro leve, de suspirar, de ler tão rápido que quando você vê, já acabou e você já está pedindo mais. 
    Me apaixonei pela história de Lara Jean e mal posso esperar pra comprar e ler o segundo livro: PS. Ainda te amo. E além de toda essa leitura linda e que virou minha queridinha, me peguei pensando em como foram poucos os livros que li em que a personagem principal era asiática... assim, só um pensamento aleatório hahaha
Para todos os garotos que já amei é um livro amável e vale muito a pena ler, principalmente se você está precisando daquelas leituras leves para relaxar as emoções entre um livro e outro.


10 comentários:

  1. Oie. Amei seu blog, e sua resenha.
    Eu gostei muito desse livro. Realmente a gente passa a amar a família de Lara, e se envolver no conflito amoroso em que ela se encontra. Confesso que me surpreendi com o romance, e estou ansiosa pelo segundo volume.
    bjos e feliz 2016
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Jacque, realmente nos envolvemos muito, a escrita da Jenny é muito gostosinha, né? Eu estou muito ansiosa pelo próximo!
      Beijos e que seu 2016 seja cheio de livros maravilhosos <3

      Excluir
  2. Ótima resenha :*

    http://gcacheada.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi Kahtleen.
    Seu blog é de uma Fofura ímpar e eu estou apaixonada por ele.
    Esse livro eu ainda não li, mas sua resenha me deixou com muita vontade de lê-lo e saber tudo que vai com acontecer com a Lara.
    Abraços e muito sucesso para 2016.

    Minhas Impressões

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ownnn, muitíssimo obrigada, isso significa muito <3
      Por favor, leia e venha me contar o que achou!
      Beijos e um 2016 maravilhoso pra você!

      Excluir
  4. Oi Kath,

    Segunda resenha que leio desse livro e já estou doida para tê-lo, li Olho por Olho e dente por dente, e continuo na espera de fogo por fogo, se não me engano seria o volume final a trilogia que não foi publicada aqui no Brasil ainda. Bem gostei muito da escrita da autora e espero poder ler esse e o segundo volume. Me deixou super curiosa e ansiosa pela leitura.

    Beijos,
    http://amagiareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Elisandra, estou esperando esse livro também e nada ainda... queria tanto! :(
      Se você ler, venha me contar o que achou!
      Beijos

      Excluir
  5. Desde que vi esse livro nos vídeos da galera da gringa eu tenho a maior curiosidade. Não espero grandes coisas dele, mas me parece mesmo ser uma leitura gostosa. Ainda quero muito ler.
    Adorei sua resenha, muito boa mesmo.
    E seu blog é uma gracinha! Adorei tudo aqui (:

    http://sobrelivroseletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, Aline, não é nenhuma novidade literária, nem mesmo uma história totalmente chocante, mas é uma leitura gostosa, envolvente...
      Vou te esperar aqui pra me contar o que achasse quando você ler!
      E muito obrigada, significa muito pra mim <3
      Beijoss

      Excluir

Obrigada pelo seu comentário! sua opinião é muito importante aqui no Vida em Marte, vou ler e responder com carinho ;)

Pin It button on image hover